top of page

Apoio ao Esporte – Tocantinenses completam os 42k da mais cobiçada maratona de subida do Brasil


Os atletas tocantinenses Fernando Passos e Monalisa Reis disputaram no último dia 31 de agosto, a 7ª edição da Mizuno Uphill Marathon, na Serra do Rio Rastro (SC), considerada a maior e mais cobiçada maratona de subida do Brasil. Os três completaram o desafio dos 42k da prova – debaixo de chuva e muito frio. O outro tocantinense na prova foi Everton Meireles, que disptou a 25k.

Para participar da prova, não basta se inscrever como cerca de 10.000 corredores fizeram a pré-inscrição, mas sim ser sorteado e ter seu nome na lista de 3.100 corredores (número de vagas disponibilizadas pela organização), o que aconteceu com os três tocantinenses. A prova teve três distâncias (25K, 42K e 67K), e os tocantinenses resolveram disputar o desafio de 42k.


Monalisa Reis

A administradora, gerente de contratos na empresa Matriz Office, em Palmas, Monalisa Reis, 33 anos, completou os 42k, com o tempo de 4horas e 38 minutos. A corredora terminou na 25ª no geral e 5ª na categoria dela.

“A Uphill foi uma experiência inesquecível. Foram 42 km com uma passagem linda, clima totalmente diferente do nosso, a minha maior dificuldade foi vencer o frio. maior do que as mais de 200 curvas e só subindo”, ressaltou Monalisa.

Ela conta que sua preparação para a prova foi intensa, com muitos treinos nas serras, em Palmas,com muito sol, fumaça e poeira. Segundo Monalisa, ela começou no esporte há dez anos e com 10 quilos a mais que hoje, fazendo funcional, seu primeiro pódio foi em 2016, na Corrida dos Fortes, em novembro. “Estava indo embora quando me chamaram e disseram que terminei em 5º lugar nos 16 km. Fiquei surpresa”, disse Monalisa.

Já em 2017 começou a levar mais a sério o atletismo, as aulas e os treinos, alimentação, suplementação e nutricionista. Diz ela que foi aí que eliminou 10 quilos e começou a melhorar a cada dia, revelando que deixa de fazer qualquer programação para treinar ou participar de uma corrida. Questionada a razão de correr as longas distâncias Monalisa responde “observei que tenho mais resistência do que velocidade e, por isso, a preferência por distâncias maiores.


Everton Meirelles

O empresário e atleta de Porto Nacional, Everton Meireles pratica o atletismo desde 2014. Segundo ele, de lá para cá já são 30 meias maratonas, 3 maratonas e uma Ultra Maratona 50km.

“Bem minha preparação para esta prova iniciou novembro de 2018 quando recebi o resultado de que fui sorteado para a prova, faltando 90 dias para a corrida me lesionei e tive que parar os treinos e abandonar algumas provas uma delas”, explicou o portuense.

Ele conta que a muralha que aconteceu 15 dias antes da Uphill, mas a Uphill não quis abrir mão, e faltando 30 dias e fazendo sessões de fisioterapia com a Dra. Karen Fernandes voltou aos treinos. “O meu treinador Marcelo Avelar montou treinos específicos para eu não quebrar na prova, chegado o grande dia da prova expectativa a mil, um misto de ansiedade e medo de sentir as dores do da lesão, mas consegui concluí-la antes do tempo de corte que tinha dentro do percurso e do final”.

Ele finaliza dizendo que ficou extasiado, energizado de tanta felicidade não pelo tempo, até porque não tinha condições de fazer uma prova dessas para tempo, mas feliz por ter completado e não ter sentido nada de dor.


Fernando Passo Jornalista/atleta

O jornalista e atleta Fernando Passos, 35 anos, completou os 42k com o tempo de 4h49:53 chegando no geral na posição 519 entre os homens, e 142 na categoria de 35 a 39 anos.

Para Passos passar o pórtico de chegada foi até hoje uma sensação inexplicável, que segundo ele, ainda não caiu a ficha. “Emoção e sensação de quero mais, pois a corrida me faz bem e a cada dia tem mudado minha vida para melhor, algo que marcará minha vida para sempre”, disse eufórico o corredor.

Passos recorda que quando começou a correr, há dois anos e meio, foi em busca de melhorar a saúde e como forma cumprir a promessa que havia feito ao seu pai no seu leito de morte, que era seguir no esporte para ter uma vida melhor. Agora, o atleta, diz que hoje, posso dizer que tem feito isso com mais empenho a cada dia com o apoio da família (Josiane e Olívia) e amigos, afinal, “agora sou um Ninja Runnner”!Ele lembra que quando começou a correr pesava 109kg e agora está com apenas 82kg.

Cenário

Passos relata como foi participar do desafio da Uphill Marathon 2019 na Serra do Rio do Rastro (SC), uma das estradas mais lindas do mundo e perigosa ao mesmo tempo.

Segundo ele, começou ainda em setembro de 2018, quando fez a pré-inscrição para participar do sorteio para concorrer uma vaga na maratona mais difícil e desejada do Brasil.

Em novembro, quando garantiu a vaga, começou a preparação, principalmente mental, para conter a ansiedade. “Foram meses de espera e treinos duros, que foram intensificados nos faltam 100 dias para prova. E o grande dia chegou! 31 de agosto de 2019”, relembra o atleta citando o cenário que teve pela frente como ver aquela serra enorme em sua frente dando mais que um frio na barriga. Segundo ele, passou um filme na cabeça de tudo o que vive para chegar até ali, mas sempre com a cabeça firme e acreditando que conseguiria vencer esse desafio e “venci”.

A natureza se fez presente dando o ar de sua graça como frio, chuva, vento e muita emoção, que o moveu serra acima. Para Passos foi uma sensação inexplicável do homem com a natureza, que transformou uma prova dura, de muita subida, só subida na verdade, em um momento prazeroso. “Vencer cada curva da Serra do Rio do Rastro correndo, trotando ou caminhando, me encheu de orgulho e mostrou o quanto somos fortes quando querendo”, finalizou.


Vencedor

Na maratona (42k) venceu o treinador gaúcho, da Roxinhos Assessoria – Gabriel Picarelli – com o tempo de 3:02:03, seguido por José Eraldo (3:02:44), que lutava pelo tri. No feminino deu uma atleta do São Paulo, estreante da UpHill – Giovanna Costa Martins (3:41:26). E na Samurai Battle (67k) deu outro gaúcho: Vinícius Bernardon da Silva, de Passo Fundo (RS), que completou os 67 quilômetros com tempo de 5:27:39.

As pré-inscrições para as provas de 2020 estão abertas e, segundo a organização, cerca de 1.000 pessoas, já efetuaram a inscrição.


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page